O deputado federal Rodrigo de Castro (MG) alertou para o atraso na chegada de um carregamento de insumos necessários à produção da vacina Coronavac pelo Instituto Butantan.

O princípio ativo para a produção da vacina, chamado IFA, é importado da China. A chegada do material é essencial para dar continuidade à produção da vacina, que começou a ser aplicada esta semana no Brasil.

“Essa dificuldade na importação dos insumos é agravada pelo mau relacionamento do nosso Governo hoje com a China, graças às recorrentes agressões gratuitas – inclusive do nosso chanceler”, afirmou o líder.